Tudo sobre próteses de silicone

O que você precisa saber sobre a prótese mamária

Na hora de colocar a tão sonhada prótese de silicone surgem muitas dúvidas. Segundo o cirurgião plástico Gustavo Arruda devemos questionar principalmente as referências do produto escolhido. “Existem muitas marcas de implantes no mercado, sendo assim, pode haver diferença na qualidade”.

Se você é dessas que decide fazer o procedimento e não sabe por onde começar, aí vai uma ajudinha.

QUANDO COMEÇAR?

Melhor aguardar a maturidade psicológica e o desenvolvimento físico que estão mais estabelecidos aos 18 anos.

QUAL A MELHOR ÉPOCA PARA REALIZAR A CIRURGIA?

Outra coisa é que quando a cirurgia ocorre no período de inverno, a paciente tem mais tempo de se preparar para o verão, podendo ficar mais facilmente afastada do sol pelo tempo necessário.

AUTOESTIMA

Um implante bem indicado e uma cirurgia bem realizada normalmente resultam na melhora da autoestima da paciente.

QUANDO TROCAR?

Mesmo com a evolução da tecnologia das próteses, não existem implantes que não precisam de troca, todas possuem um prazo de validade. Produtos de boa qualidade podem ser mantidos por mais tempo, como Natrelle®, que pode ser trocada a cada 10 ou 15 anos, de acordo com sinais, como:  alterações em exames de imagem e sintomas como endurecimento das mamas, dor ou deformidade. Caso apareçam esses sintomas, se a prótese não for trocada, eles poderão piorar ao longo do tempo.

GARANTIA

Em geral, as marcas oferecem garantia de 10 anos. A prótese mamária Natrelle® tem uma programa de garantia vitalícia, basta entrar  no site para saber como funciona.

SENSIBILIDADE

“A perda da sensibilidade é decorrente da lesão dos nervos sensitivos intercostais. Quanto maior o implante, maior a chance de ocorrer”, relata o Dr. Gustavo que também diz que alterações temporárias da sensibilidade podem ser normais.

EXAMES PREVENTIVOS

Para quem acha que o silicone atrapalha na hora de realizar os exames preventivos (que são superimportantes!), não existem restrições.

AMAMENTAÇÃO

Os casos em que  a técnica empregada na colocação dos implantes causar secção dos ductos lactíferos (traduzindo o mediquês, o nome difícil quer dizer a rede de canais que transportam o leite materno dos tecidos onde ele é fabricado até os mamilos 😉), têm a amamentação comprometida. Mas, na grande maioria das vezes, não prejudica a amamentação.

ARREPENDIMENTOS

Caso role aquele arrependimento, é possível diminuir a prótese. Para isso, não existe uma regra de tempo. Mas vamos combinar que é preciso  conversar bastante com o médico especialista antes do procedimento, de modo a deixar muito claro quais são as suas expectativas sobre o resultado, sempre ouvindo a orientação médica sobre proporções. Assim, o risco de se submeter a uma nova cirurgia é muito reduzido.

Faça mais por você com Natrelle® também e clique aqui para saber mais: https://goo.gl/RdvZqd.