A idade certa

Quando iniciar tratamentos estéticos

Durante a adolescência, é natural querer aparentar mais idade para mostrar independência. Contudo, essa atitude muda depois que os 30 anos se aproximam. Nessa fase, as mulheres começam a se preocupar com os sinais de envelhecimento e recorrem a diversos tratamentos preventivos a fim de postergar as rugas e as linhas de expressão. Para saber se existe uma idade definida para se atentar a esses problemas, o Além da Beleza entrevistou o dermatologista Humberto Antonio Ponzio. Confira abaixo os principais trechos da nossa conversa com o especialista:

A partir de que idade o envelhecimento da pele começa a se manifestar?

Na realidade, o envelhecimento ocorre desde o nascimento, mas é depois dos 25 anos que as marcas começam a ser observadas, especialmente nas pessoas mais brancas e que se expuseram muito ao sol.

Há alguma idade específica para começar a preocupar-se com as rugas? Por quê?

Não é a idade cronológica que determina o momento em que as rugas aparecem, mas a predisposição genética e os hábitos de vida de cada pessoa. Então, é preciso visitar o dermatologista periodicamente para saber seu momento ideal para fazer procedimentos preventivos.

Existem técnicas dermatológicas que são possíveis fazer antes dos 30 anos? Quais?

Sim. O que tem sido mais usado é a toxina botulínica A que, ao agir diretamente em determinados músculos da face, tem a capacidade de prevenir o surgimento de rugas secundárias. Os preenchedores, nessa idade, são indicados para correção de assimetrias.

Quais são as substâncias que ajudam a prevenir as rugas?

Se nos for dada a opção de escolher um produto para prevenir o envelhecimento da pele, este será um protetor solar de amplo espectro (produtos que protegem contra UVA e UVB), preferencialmente com agentes antioxidantes.

Quais as maneiras corretas de cuidar do rosto no dia a dia?

Limpeza, tonificação, hidratação e, quando necessário, correção, devem sempre estar presentes na vida da mulher. Há produtos indicados para cada tipo de pele e para cada área a ser tratada. Para ficar bonita, basta querer.

 

 

 

BR/0430/2016/Set/2016