Saúde & Bem-Estar

Massagem facial

Conheça os benefícios dessa técnica para o relaxamento e beleza da pele

O nervosismo provoca tensão nos músculos do rosto, o que compromete a circulação sanguínea local e prejudica as células cutâneas. Como consequência, a pele perde o brilho e apresenta sinais de cansaço e envelhecimento precoce. A massagem facial pode ser uma aliada para combater o problema e render momentos relaxantes. Essa técnica elimina os pontos de tensão, ao mesmo tempo em que aprimora o tônus muscular e ainda ativa a circulação de toda a extensão da face.

O tratamento consiste em movimentos  feitos com cremes apropriados, que promovem o constante revigoramento dos tecidos e mantém a pele livre de manchas, cravos, espinhas, rugas e outras imperfeições, tornando-a mais resistente as agressões diárias, como vento e poluição.

A massagem para o rosto compreende oito pontos básicos: pescoço, queixo, boca, nariz, bochechas, olhos, têmporas e testa. Alguns profissionais fazem desde o colo até o couro cabeludo. É aplicado um toque de goma suave formando uma película que, ao ser retirada, remove as células mortas.

Testa, maçãs do rosto, queixo, pescoço e colo costumam receber toques mais tonificantes e, normalmente, ascendentes. Mas é nos maxilares que o profissional tende a demorar mais, pois é o ponto da face onde há maior concentração da tensão.

Quando a pessoa apresenta olheiras ou bolsas, a massagem é feita com mais ênfase na região dos olhos e com movimentos drenantes, eliminando o inchaço causado pela retenção de líquidos, má circulação ou cansaço. Os pontos e os movimentos das massagens podem variar de acordo com os problemas específicos de cada paciente, por isso é importante procurar um profissional que faça essa avaliação individual.

Mais Saúde & Bem-Estar

Leia também