Toxina Botulínica A
Saúde & Bem-Estar

Tratamento de expressões faciais, sim!

A dermatologista Bruna Bravo esclarece os mitos e verdades sobre o procedimento

Cada vez mais, os consultórios estão lotados de pessoas em busca de revitalizar a beleza e jovialidade. Entre os métodos utilizados para essas conquistas, o tratamento de expressões faciais é disparado um dos queridinhos de todos que desejam suavizar suas rugas, linhas finas e driblar os efeitos do tempo.

Para ter uma ideia do sucesso do procedimento, dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS) indicam que, em 2015, foram realizadas 4.6 milhões de aplicações no mundo. E as brasileiras, que adoram realçar a beleza com naturalidade, se submeteram ao tratamento 1.1 milhão de vezes nesse mesmo período, sendo superadas apenas pelos Estados Unidos.

Com tamanha popularidade, é comum surgirem algumas dúvidas e informações erradas sobre o assunto. Então, para esclarecer os principais mitos e verdades relacionados aos procedimentos estéticos minimamente invasivos, a Dra. Bruna Bravo conversou com o Além da Beleza.

Mitos e verdades sobre tratamento de expressões faciais

A paciente pode ficar com a sobrancelha alta ou a aparência congelada?

MITO. Apenas se o procedimento for feito por um profissional não treinado. Por isso, a importância de sempre buscar o atendimento de um profissional qualificado.

O tratamento pode ser realizado para tratar todos os tipos de rugas?

MITO. Serve para suavizar as rugas que são vistas com o rosto em movimento. Tendo como exemplo linhas que se formam ao longo da testa; marcas entre as sobrancelhas, formadas quando fazemos cara de bravo ou de preocupação; os famosos pés de galinha, ao redor dos olhos; e as linhas verticais que surgem acima do lábio superior, conhecidas como código de barras”.

A paciente pode voltar para a rotina no mesmo dia?

VERDADE. Pode. Inclusive, esses são tratamentos que podem ser feitos, até mesmo, na hora do almoço, já que não exigem repouso e nem muito tempo da agenda do paciente. Mas, atenção: deve-se evitar exercícios físicos por 24-48 horas.

Os efeitos podem ser notados logo em seguida à aplicação?

MITO. Demoram entre 48 horas e 15 dias. É importante lembrar que o paciente deve voltar à consulta entre 10 e 15 dias depois da aplicação, para analisarmos a necessidade de uma complementação.

Os resultados podem durar de 4 a 6 meses?

VERDADE. Isso mesmo, após esse período, consulte o seu médico para a complementação do tratamento.

Os procedimentos duram menos tempo em pessoas que praticam atividades físicas muito intensas?

VERDADE. A prática de atividades de alto desempenho induz à contração dos músculos da face, favorecendo o reaparecimento das rugas em tempo mais curto.

Os tratamentos possuem algumas contraindicações?

VERDADE. Não são indicados no caso de hipersensibilidade a qualquer dos ingredientes contido na formulação e na presença de infecção no local da aplicação, gestação e amamentação. Além disso, é imprescindível a avaliação de um médico devidamente especializado.

É possível realizar outros tratamentos faciais em conjunto?

VERDADE. Sim, tratamentos combinados podem apresentar bons resultados.

Preenchimento labial é feito com ácido hialurônico?

VERDADE. Os lábios são preenchidos com ácido hialurônico, mas muitas pessoas ainda se confundem e dizem que usaram outro produto.

Os cremes anti-idade podem substituir os procedimentos minimamente invasivos?

MITO. Esses produtos são capazes de suavizar as marcas, porém, cada um tem a sua funcionalidade específica e há uma ação complementar entre eles.

Dra. Bruna Bravo
CRM-RJ 732745

Mais Saúde & Bem-Estar

Leia também